Comissão de Assuntos Econômicos do Senado debaterá aumento de servidores federais

Por
|
A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) realizará nesta terça-feira (5) a sabatina de indicados para as diretorias do Banco Central (BC) e da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Na semana passada, foram lidos os relatórios favoráveis às indicações de Reinaldo Le Grazie, Tiago Couto Barriel, Carlos Viana de Carvalho e Isaac Sidney Menezes Ferreira para o BC e de Henrique Balduíno Machado Moreira para a CVM.

Nesta terça-feira, os indicados para o BC deverão expor seus planos de trabalho à frente da instituição responsável pela execução da política monetária e aperfeiçoamento do sistema financeiro. Se forem aprovados pelo Senado, eles deverão compor a nova diretoria do BC, chefiada pelo economista Ilan Goldfajn, já aprovado pela Casa.

O indicado para a CVM também deverá apresentar o trabalho que pretende desenvolver na autarquia que fiscaliza, normatiza e disciplina o mercado de valores mobiliários no Brasil.

Reajustes
Na quarta-feira (6), também às 9h, a CAE realizará audiência pública para discutir as propostas de reajuste salarial dos servidores públicos federais e avaliar as repercussões financeiras sobre as contas da União, dos estados e dos municípios. Requerida pelo senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), a audiência deverá contar com a presença do ministro interino do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira.

Segundo Ferraço, os 14 projetos aprovados pela Câmara produzirão, caso sejam confirmados pelo Senado, uma conta estimada em R$ 79 bilhões até 2019, apenas para os cofres federais. “Se considerarmos o setor público como um todo, ela será maior, uma vez que há reflexos também sobre as finanças de estados e municípios devido às vinculações salariais existentes”, acrescentou.

Desses 14 projetos, dois já foram aprovados pelo Senado e seguiram para sanção do presidente em exercício Michel Temer: o que beneficia os servidores do Judiciário e o que aumenta os salários do Ministério Público. Quatro outros projetos de reajustes salariais contam com relatórios favoráveis, lidos no dia 29 na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

Os projetos deverão ser votados na reunião da CCJ, na quarta-feira (6), e depois seguirão para a CAE. A decisão final deverá ser dada pelo Plenário.

Fonte: Agência Senado

Notícias Relacionadas:

  1. Comissão do Senado aprova projeto que garante benefícios previdenciários a dependentes de servidores
  2. Comissão do Senado aprova proibição da venda de bebidas alcoólicas às margens das rodovias federais
  3. Comissão especial debaterá enfrentamento ao homicídio de jovens
  4. Senado vai analisar aumento do período de quarentena para ex-servidores públicos
  5. Comissão do Senado pode votar projeto que propõe antecipação de feriados