Disparo acidental leva Policial Rodoviário Federal a óbito

Por
|

O PRF Ivanaldo Gomes Alves, lotado no posto de Araguanã/MA, foi vítima de um disparo acidental de arma de fogo na manhã desta sexta-feira (30) e morreu no local. A pistola de Ivanaldo teria disparado sozinha e atingiu a cabeça do colega PRF.

Diretores do SinPRF/MA e da FenaPRF estão acompanhando todo o caso neste trágico acidente e dando suporte à família do Policial Rodoviário Federal. Foi solicitado à Polícia Federal que PRFs possam acompanhar a perícia técnica do acidente. A FenaPRF aguardará o laudo da perícia que trará mais detalhes e informações técnicas sobre as circunstâncias do ocorrido para então definir as medidas cabíveis.

O sistema sindical dos PRFs se compromete a acompanhar de perto todo o caso e prestar apoio à família do colega. Ivanaldo Gomes tinha 43 anos de idade, ingressou na Polícia Rodoviária Federal no ano de 1994 e deixa esposa e dois filhos de 9 e 14 anos de idade. O corpo será sepultado em São Luís,  capital do estado.

Notícias Relacionadas:

  1. FenaPRF acompanha de perto caso de policial rodoviário federal que sofreu afogamento durante treinamento
  2. Em audiência pública, diretor da FenaPRF aponta problemas que afligem o policial rodoviário federal
  3. Nota Oficial sobre acidente envolvendo Policial Rodoviário Federal
  4. Sistema Sindical repudia agressão a policial rodoviário federal em Tocantins
  5. Policial Rodoviário Federal toma posse como Superintendente do Trabalho e Emprego no MS