Goleiro com celular em campo foi ação de marketing do Atlético-PR pelo Maio Amarelo

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O goleiro Santos, do Atlético-PR, protagonizou uma cena bizarra momentos antes do duelo com o Atlético-MG, no último domingo, na Arena da Baixada, pelo Campeonato Brasileiro. Vestindo uniforme e luvas, o camisa 1 foi flagrado usando o seu aparelho celular, pouco antes de o jogo começar.

A atitude, criticada pela torcida em decorrência do risco que poderia causar à meta da equipe, foi explicada pelo próprio jogador nesta segunda-feira. Tudo não passou de uma ação de marketing, que fez parte de uma campanha sobre prevenção de acidentes no trânsito.

“O que eu fiz em campo é igual ao que milhares de pessoas fazem todos os dias no carro. Só que se envolver em um acidente de trânsito é muito mais perigoso do que tomar um gol”, afirmou o arqueiro.

A campanha idealizada pelo Uber, um dos patrocinadores do time, foi realizada para o Maio Amarelo, movimento que mobiliza milhões de pessoas no mundo todo pela conscientização sobre um trânsito mais seguro.

O fato de não ter avisado o clube sobre a ação gerou questionamentos e críticas ao goleiro após a derrota por 2 a 1 para o Atlético. Em entrevista coletiva concedida depois da partida no último domingo, o técnico Fernando Diniz se mostrou surpreso com o fato.

“Não tenho conhecimento. Acho estranho, porque o Santos é um jogador muito responsável, discreto. A gente precisa saber porque isso aconteceu. Estou sabendo agora. Achei estranho, é o que posso falar”, disse o treinador.


Reprodução: Placar

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.