Alimentos ficaram 1,4% mais caros em setembro, diz FAO