Copa do Mundo, sim, com qualidade dos serviços públicos e direitos do funcionalismo!