Eleições e matérias polêmicas pressionam trabalhos no Congresso