Lei Maria da Penha: STF decide que agressor pode ser processado mesmo se vítima retirar queixa