Ministra dos Direitos Humanos recebe pautas dos PRFs

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

A Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, recebeu representantes da FenaPRF para discutir pautas da qualidade de vida dos PRFs e também acerca das condições que os policiais serão submetidos caso a Reforma da Previdência seja aprovada com o texto atual.

Foi levado à ministra um pedido para que a pasta comandada por ela faça projetos de uso dos recursos que serão separados à segurança pública através da lei 13.756/2018, aprovado em dezembro do ano passado. A lei prevê destinação do produto da arrecadação das loterias para o Fundo Nacional de Segurança Pública, a ser utilizado pela integração e cooperação das diversas forças da segurança pública brasileiras.

O Deputado Federal José Medeiros (PODE/MT), que é PRF concursado, utilizou um exemplo próprio acerca de sua saúde. “Eu adquiri enxaqueca e comia muito mal quando fazia plantão nas rodovias. Tomava duas garrafas de refrigerante por semana e não tinha horário para me alimentar. É uma rotina preocupante e os policiais precisam de atenção”, contou.

Também foi destacada a importância de a ministra defender as categorias policiais não militares na Reforma da Previdência. Damares se demonstrou receptiva às pautas e afirmou que será uma advogada da PRF junto ao Governo Federal para que os policiais não sejam prejudicados pela PEC 06/2019.

Mais efetivo
Após ver os números de déficit e afastamentos por doenças crônicas e aposentadoria, a ministra ficou preocupada com a atual situação da polícia. Deolindo Carniel, presidente da FenaPRF, afirmou que há um processo seletivo em andamento mas que é insuficiente. “São somente 500 vagas, elas não resolvem o problema da PRF. Há uma expectativa de que o Presidente convoque os excedentes após o processo de formação dos aprovados se encerrar. Espero que consigamos o número total de excedentes”, afirmou.

Além da participação do deputado José Medeiros (PODE/MT), representaram a FenaPRF, o presidente, Deolindo Carniel e o diretor jurídico Marcelo de Azevedo.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.