Movimentos querem fim da ‘lógica de guerra’ que orienta as ações da PM