OPB cria ‘mortômetro’ para contar crimes letais contra policiais