Órgãos de defesa do consumidor dizem que bancos devem garantir serviços essenciais durante a greve