Para Eduardo Braga, sem novo Código Penal ações de segurança pública têm poucas chances de sucesso