Planalto pode transferir do Planejamento para demais ministérios as negociações sobre aumentos de salários