Policial poderá ter presunção de legítima defesa para uso de arma de fogo