Rodovias, ferrovias, portos, aeroportos: todos no apagão