Sentença mantém permissão para o DPRF lavrar boletins e termos de ocorrências