‘Temos de aumentar a nossa influência. O capital se unifica muito mais’