Terceirização não vale para governo nem para atividade-fim, dizem juízes