“Ele esqueceu que estava à paisana”, diz coronel sobre PM morto por engano